quarta-feira, 14 de outubro de 2015

sobral do monte Picoto


Com a malha urbana da cidade de Braga colada a este monte cónico, o mesmo poderia se apresentar hoje ainda mais degradado e empobrecido no que toca ao coberto florestal, mas em todo o caso, encerra na sua área, um espécie de bosque aberto, constituído por sobreiros, Quercus suber. A regeneração desta árvore, também se apresenta muito boa e saudável, com pequenas árvores brotando um pouco por todo o lado e no seio de numerosos exemplares grandes. É interessante verificar que em terras, onde o carvalho-alvarinho, Quercus robur, é rei, o sobreiro, ganhe aqui um alto destaque, e quase sem interferência do alvarinho, lembrando as vastas formações de sobrais e montados do centro e sul do país. Os incêndios, obviamente, que deixaram marcas significativas neste local, sendo que o ponto mais alto é revestido por um matagal de urzes, tojos e fetos, com escassos sobreiros e todos eles de porte pequeno. É por certo um excelente local panorâmico, que abarca variadíssimos montes minhotos, em todas as direções e claro a cidade de Braga. 


Enviar um comentário