quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Equinos, monte do Merouço


Não são garranos, e até podem ter sangue árabe ou outros, mas insisto, que o papel que eles desempenham na diversificação da flora é indiscutível ...


As notas que preencho em papel na observação destes animais são incompletas e o meu vocabulário escasso para vos explicar tudo aquilo que vejo e sinto nestas pequenas "manadas". Mas na interpretação da imagem acima por exemplo, posso vos dizer, que só a sua acção contínua, permite a entrada das herbáceas e gramíneas por entre os matagais de Ulex, e o resto vem por catadupa, os trilhos que criam e os aracnídeos que ganham corredores de caça para ás suas teias e os mamíferos de pequeno porte, vêem as suas áreas de caça ou alimentação "melhoradas".


Super floração de Ulex minor de permeio com Pteridium aquilinum.


No ano passado 5/8/14   by Rui Faria

Enviar um comentário