terça-feira, 21 de julho de 2015

Rouxinol-dos-caniços (Acrocephalus scirpaceus)


São as terras baixas da ria de Aveiro que proporcionam vastos caniçais da espécie Phragmites australis, íman de aves especialistas, aves que apreciam a cobertura densa destas plantas. E quão densa é esta planta no verão! O Acrocephalus scirpaceus não é tímido, pelo que é possível fazer boas aproximações desta espécie, seguindo os seus belos e melodiosos cantos. 


A coloração pálida desta espécie é previsível e alusiva à coloração dos baloiçantes caules dos caniços, até ao ponto em que eles desabrocham na cor verde e se tornam maciços e escuros. Aí a reprodução entra em alta!

Enviar um comentário