sexta-feira, 3 de abril de 2015

O grande réptil ibérico (cont.)

Timon lepidus
Numa continuação do post anterior, mostro aqui este magnífico réptil que encontrei no alto dessa serra tomando sol. Na orla dos arbustos e das pedras graníticas encontra segurança, porque as aves de rapina têm uma visão apurada, por isso todo o cuidado é pouco.
Como ele não deu com a minha presença, consegui fotografá-lo em pleno. Aproximei-me mais um pouco e aí já me viu, mas continuou imóvel, julgando talvez que eu não o tivesse visto ou possivelmente ainda estando demasiado frio para dar uma fuga rápida (uma interpretação rápida e simples!)
Logo que alcançar a temperatura certa, também ele procurará alimentar-se.

Nikon P600 f/5.5 1/320s ISO-100 . 59mm


Enviar um comentário